Morre Milton Gonçalves aos 88 anos

O ator Milton Gonçalves morreu no Rio de Janeiro nesta segunda-feira (30), aos 88 anos. Segundo a família disse ao G1, Milton morreu por volta de 12h30, em casa, por consequência de problemas de saúde que vinha enfrentando desde que teve um AVC.

Em fevereiro de 2020 o ator havia sofrido um AVC isquêmico que o deixou três meses no hospital. O caso aconteceu enquanto Milton participava de uma feijoada na quadra da escola de samba Salgueiro, na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Carreira

Nascido em 9 de dezembro de 1933, em Monte Santo (MG), Milton Gonçalves tem uma longa trajetória como ator e diretor. Ainda criança, Milton se mudou com a família para São Paulo, onde fez teatro infantil e amador. Sua estreia profissional ocorreu em 1957.

Milton foi contratado antes mesmo da inauguração da Globo, em 1965, ajudando a formar o primeiro elenco de atores da emissora. Também atuou na direção e, na função, esteve à frente de sucessos como “Irmãos Coragem” (1970), e também dirigiu os primeiros capítulos da novela “Selva de Pedra” (1972) e “Escrava Isaura” (1976), uma das novelas mais vistas no mundo.

O artista fez mais de 40 novelas, onde também atuou em programas humorísticos e minisséries de sucesso, é lembrado por personagens marcantes da televisão brasileira, como o Professor Leão do infantil “Vila Sésamo” (1972), o Zelão das Asas, de “O Bem-Amado” (1973), e o médico Percival, de “Pecado Capital” (1975).

Milton também participou de outras produções, como a primeira versão de “A Grande Família” (1972), “Roque Santeiro” (1985), “Tenda dos Milagres” (1985), “As Noivas de Copacabana” (1992), “Agosto” (1993), “Chiquinha Gonzaga” (1999) e muito mais.

A atuação como Pai José na segunda versão da novela “Sinhá Moça” (2006) lhe valeu a indicação para o prêmio de Melhor Ator no Emmy Internacional. Na cerimônia, apresentou o prêmio de Melhor Programa Infanto-juvenil ao lado da atriz americana Susan Sarandon. Milton foi o primeiro brasileiro a apresentar o evento.

A última novela que o ator Milton Gonçalves participou na TV Globo foi “O Tempo Não Para” (2018), quando interpretou o catador de materiais recicláveis Eliseu.

Depois, ainda participou das séries “Carcereiros” (2018), “Se eu Fechar os Olhos Agora” (2019) e “Malhação Toda Forma de Amar” (2019), além de ter sido Papai Noel no especial de Natal “Juntos a Magia Acontece”, no fim de 2019. Atualmente, ele está no ar com a reprise de “A Favorita” no “Vale a Pena Ver de Novo”.

bn3
bn2
bn luanny moveis grande
IMG-20220209-WA0018
bn2-1024x305 landry mobile melhor
_cifraesportes
bn3
bn2
bn luanny moveis grande
IMG-20220209-WA0018
bn2-1024x305 landry mobile melhor
_cifraesportes
Estamos Online