Novo ensino médio: entenda o que muda nas escolas do Maranhão a partir de 2022

O novo ensino médio começa a ser implantado no Maranhão em 2022, assim como em todo o Brasil. As escolas públicas estaduais já começaram a se preparar para as mudanças, que começam com alunos do 1º ano e atingem todas as séries até 2024.

O projeto, que vale para a rede pública e privada, prevê aumento da carga horária de quatro para cinco horas diárias e uma maior autonomia para os alunos, que vão escolher disciplinas complementares com as quais tenham mais afinidade.

O Secretário de Educação do Estado, Felipe Camarão, pontuou que as áreas que poderão ser escolhidas pelos estudantes são chamadas de Itinerários Formativos.

“A novidade no Maranhão é que nós faremos um ensino médio diferenciado. Nós não adotaremos um ensino médio como as outras unidades da federação adotarão. Vamos preservar as disciplinas curriculares que outros estados não preservarão”, afirmou.

Segundo o secretário, os Itinerários Formativos serão mantidos de acordo com a aptidão produtiva de cada aluno das regiões maranhenses. “Nós vamos preparar o estudante para dois caminhos: ou vai sair preparado para o mercado de trabalho ou para o ENEM”, complementou.

Mudanças no ensino médio

Aprovado pelo Ministério da Educação em 2017, o novo ensino médio foi criado a partir da Lei nº 13.415/2017 que alterou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e estabeleceu uma mudança na estrutura do ensino médio. As redes de ensino tiveram quatro anos para se preparar até a estreia, marcada para o início do ano que vem.

Na prática, ele amplia o tempo mínimo do estudante na escola de 800 horas para 1.000 horas anuais, além de trazer uma nova organização curricular que seja mais flexível e contemple uma Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a oferta de diferentes possibilidades de escolhas aos estudantes.

bn3
bn2
bn luanny moveis grande
bn2-1024x305 landry mobile melhor
bn3
bn2
bn luanny moveis grande
bn2-1024x305 landry mobile melhor
Enviar mensagem
Estamos Online